Escolha uma Página

Sistema de Avaliação por

Nota
Canadense

Período vigente – 2018

Como os trabalhos em equipe serão avaliados.

A Nota Canadense veio de uma experiência em grupos no início da década de 1980. Não se sabe ao certo a origem do nome deste método de avaliação, mas sua eficácia tem sido considerada por permitir maior eficiência nos trabalhos de equipe, uma vez que cada participante se sente responsável pela sua avaliação e não apenas pega carona dos demais.

Avaliar trabalho em grupo é um desafio porque muitas artimanhas podem desvirtuar o processo. Sempre há aqueles que levam o trabalho “nas costas” enquanto há outros que não participam tão ativamente e recebem pontuação sem merecer. Ainda que o rendimento em termos de aprendizado possa variar entre os membros de um grupo, o esforço e a dedicação devem ser os mesmos.
O método “canadense” visa a aumentar a precisão da avaliação, levando em conta não somente o produto final apresentado pelo grupo, mas a participação individual de cada integrante. Consideramos uma forma mais justa de quantificar, como nota, o aproveitamento do aluno.

Avaliação pelos colegas

Os colegas, acabam por avaliar os outros colegas. Com esta avaliação dos próprios pares, os alunos participam ativamente do processo de avaliação podendo  comentar e julgam o trabalho de cada membro do grupo.

Quando os membros do grupo sabem que terão que avaliar seus colegas e que serão avaliados por eles,  podem sentir um maior senso de envolvimento e responsabilidade. A equipe, desse modo,  pode produzir um produto final  e um aprendizado de qualidade superior.

Etapas da avaliação

Entrega do Total de Pontos

Após o trabalho aoresentado, o professor atribuirá uma pontuação ao grupo, como resultado da sua avaliação e não uma nota individual. Esta será indicada pelo próprio grupo em consenso, seguindo os critérios estabelecidos para este fim.

Divisão do total de pontos

O grupo fará a divisão do total de pontos obtidos entre os seus integrantes. Portanto,  soma das notas dos participantes deve ser igual ao total de pontos. O líder do grupo entregará a planilha de avaliação com os pontos divididos e devidamente assinado or todos os integrantes.

Lançamento das notas individuais

Tendo recebido a indicação do consenso do grupo, o professor checará se os critérios foram seguidos e lançará a nota de cada integrante individualmente.

 Por exemplo:

Suponha que um grupo com 5 pessoas que tenha recebido 400 pontos pelo professor na etapa 1 acima.

– O grupo, ao deliberar a divisão desses pontos, pode chegar ao consenso de que todos os integrantes trabalharam igualmente. Neste caso, todos terão a mesma nota: 80 pontos (400/5 =80).

– OU, caso nem todos os seus componentes trabalharam de forma igualitária, a distribuição dos pontos será proporcional pelo julgamento dos colegas. Assim poderíamos ter muitas combinações, por exemplo:

Bem mais justo

Observe que nem todos os alunos ficaram com a mesma pontuação. Esta distribuição de pontos foi, segundo o entendimento do grupo, proporcional à participação e ao desempenho de cada componente. Este método assegura que nenhum componente receberá nota de forma injusta.